SA+
Nielsen NIQ Monitor Pesquisa Atacarejo Supermercado Grande

Outubro tem variação positiva em vendas nos atacarejos e supermercados grandes

POR Reportagem SA+ Conteúdo

EM 16/11/2023


Foto: Adobe Stock

Na comparação com o mesmo período de 2022, outubro apresentou uma variação de vendas por canal positiva nos atacarejos e supermercados grandes. Em relação às unidades houve um acréscimo de 8% e 3,9%, respectivamente, enquanto em questão do valor foi registrado um aumento de aproximadamente 10% e 5,2% nos modelos de varejo.

[noticiasRelacionadas]

Contudo, os hipermercados e supermercados pequenos tiveram uma queda de 2,1% e 1,7% em valor e de 2,3% e 4,4% em unidades. 

Os dados são do NIQ Monitor, uma cobertura da Nielsen que avalia mais de 1 milhão de PDVs no Brasil. Segundo a pesquisa, sem abertura de lojas, o Super Grande foi o único a apresentar crescimento tanto em valor como em volume

Perecíveis frescos apresentaram um crescimento de 8,4% em unidades, seguido pela categoria Limpeza (3,8%), Bebidas (3,4%), H&B (2,6%) e a mercearia (2,3%). Em relação ao valor H&B se destaca com crescimento de 10,7%, bebidas (7,3%), mercearia (6,2%), pereciveis frescos (6,1%) e limpeza (5,8%).

As categorias com maior contribuição à retração são as carnes congeladas, seguidas pelo óleo comestível, leite asséptico e café em pó. Já as categorias destaque com maior contribuição no crescimento foram cortes bovinos, arroz, frutas, refrigerantes e cervejas.

Entre as Bebidas, as que contribuem mais negativamente são o Whisky que concentra a retração com uma queda no percentual de contribuição em valor de 91.1%, seguido pela Vodka e o Saquê. Enquanto isso, as que mais contribuem positivamente são os refrigerantes, cervejas e sucos prontos para beber

Já na categoria de H&B, os desodorantes lideram na contribuição positiva, seguidos pelos produtos de tratamento de pele e de cabelo. Contudo, talcos, esponjas/toucas/escovas e o antisséptico para a mão contribuem negativamente.

Para o mês atual a expectativa é positiva. Segundo o documento, novembro dá início, com a Black Friday, ao período mais forte de vendas para o varejo no ano. Por isso, saber direcionar onde estão as maiores oportunidades e capitalizá-las é uma vantagem relevante.

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA+ Ecossistema de Varejo? Então nos siga nas redes sociais:    LinkedIn,     Instagram    e     Facebook

COMPARTILHAR
TAGS:Nielsen, NIQ Monitor, Pesquisa, Atacarejo, Supermercado Grande
COMPARTILHAR:

Ícone Notícias relacionadas

Adobe Stock - mulher biscoitosCPM

Cerca de 60% dos consumidores têm como principal varejista alguma bandeira do formato supermercado ou hipermercado

Adobe StockPesquisa

Preço da cesta básica dispara em quatro capitais e Rio de Janeiro lidera com alta de 6,5%

Adobe Stock - Nota fiscalBnex

Faturamento com clientes não fidelizados tem queda de 9,5% em abril

Ovos - Adobe StockMantiqueira Brasil

Varejo pode aumentar em 50% as vendas de ovos com estratégia de check stand

Comentários

Ícone Envie seu comentário

Ícone Siga-nos

Logo SAFALECONOSCO@SAINTELIGENCIADEVAREJO.COM.BR
instagramfacebook4linkedin
Logo Cinva

© Somos uma marca do CINVA (CENTRO DE INTELIGENCIA E NEGOCIOS DO VAREJO - CINVA LTDA). © 2023 SA+ Ecossistema de Varejo. Todos os direitos Reservados